segunda-feira, 7 de maio de 2018

Despite

"Despite knowing the journey and where it leads, I embrace it and welcome every moment..."

Do filme "A Chegada".

segunda-feira, 23 de abril de 2018

Espera brechtiana

-Tá pronto??
-Ainda nãooooo, tô lembrado ainda das coisas, de tudo...
-E agora, tá pronto?
-Não! Tudo ainda muito vivo na minha memória. Tudinho anotado, organizado.
-Agora?
-Ainda nãoooo, consigo me lembrar de muitas coisas...
-E agora, aprontou?
-Ainda não, algumas coisas estão por aqui ainda você sabe, algumas que é difícil de esquecer...
-E agora, como estamos? Quase lá?
-Olha, tenho uma região meio nublada, meio obscura, vultos que aparecem e me lembram algumas coisas. De vez em quando aparecem certas coisas...
-E agora, pronto?
-Nossa... tá difícil ultimamente, é como se só lembrasse de uma ansiedade permanente, mas nem sei de onde.
-E agora?
-A ansiedade tá passando.
-Agora?
-Agora sim, já esqueci tudinho, tudinho, tudinho! Novo de novo!


Feliz 2019!!! Bolsonaro presidente!

A cadela do fascismo deu luz a mais uma cria.

terça-feira, 17 de abril de 2018

Rodrigo se apaixona

perdidamente, inexoravelmente, fluxo contínuo, unidirecionalmente pela (Sonata) D 894 do Schubert.
Que coisa mais luminosa. Que coisa mais linda, de morrer, que coisa mais.

Rodrigo pensa: que coisa tosca essa de se apaixonar por música... fosse um boy ao menos.

Não reclama! Aceita o que o Universo te manda, senão Ele tira!

quarta-feira, 11 de abril de 2018

Os liberais

Os liberais brasileiros de hoje e seus agregados.
Lucro, privatizado.
Prejuízo, socializado.

quinta-feira, 5 de abril de 2018

Coragem

Versos de coragem de Nietzsche... Toda coragem do mundo.
Ah Nietzsche. Baixe a coragem nesse corpo...


Oh Mensch! Oh Mensch!
Tief ist ihr Weh, tief ist ihr Weh! 
LUST! LUST! 
Tiefer als Herzeleid... 
Weh spricht: VERGEH! 
Doch alle Lust will Ewigkeit!

sexta-feira, 9 de fevereiro de 2018

Aquela do Caio...

Não sei como me defender dessa ternura que cresce escondido e, de repente, salta para fora de mim, querendo atingir todo mundo. Tão inesperada quanto a vontade de ferir, e com o mesmo ímpeto, a mesma densidade. Mas é mais frustrante. Sempre encontro a quem magoar com uma palavra ou um gesto. Mas nunca alguém que eu possa acariciar os cabelos, apertar a mão ou deitar a cabeça no ombro. Sempre o mesmo círculo vicioso: da solidão nasce a ternura, da ternura frustrada a agressão, e da agressividade torna a surgir a solidão. Todos os dias o ciclo se repete, às vezes com mais rapidez, outras mais lentamente. E eu me pergunto se viver não será essa espécie de ciranda de sentimentos que se sucedem e se sucedem e deixam sempre sede no fim...

Digitando

schöne männer
beautiful men
homens bonitos
bei ragazzi

no google, as imagens que aparecem (os quatro espectros absolutamente semelhantes), de um mesmo modelão, nos denunciam nesse mundo globalizado. Estamos falando todos a mesma língua: a da miséria.

sábado, 3 de fevereiro de 2018

Mayday

"-Mayday... mayday. Mayday... mayday... I'm sinking, I repeat, I'm sinking!
-Mayday, could you repeat please?
-Mayday... mayday... I'm sinking.
-Mayday... What are you thinking about?"

Retirado de uma propaganda sobre escola de inglês na Alemanha, mas que pode muito bem servir pra quando o cidadão se sente perdido...

domingo, 28 de janeiro de 2018

*****nar* presidente.

Desliguem o mundo, quero descer.

sábado, 27 de janeiro de 2018

Quando acordava?

E quando acordava? Quando acordava, ou mesmo quando ia dormir, ou durante o dia, é preciso dizer, de fato (que fato não é, que fato não há), é preciso dizer que, fosse em qualquer horário do dia.

E em qualquer horário do dia? Em qualquer horário do dia que pensasse, 'sou Rodrigo, sou brasileiro, sou viado, gosto de coca-cola e não tenho verdades escondidas por debaixo dessas veias, só vaidade, nenhuma verdade que não as próprias veias, mas nem mesmo elas..."

E passasse o resto do dia representando obedientemente o papel de ser. Faz que sim com a cabeça pra concordar e aceitar. U-hum.

É isso.

terça-feira, 23 de janeiro de 2018

2018

A inteligência está presa pelo recalque.